Ir para conteúdo

Atendimento on-line pela Central 156 cresce 211% em um ano

Meio digital oferece recursos que não são...
Meio digital oferece recursos que não são possíveis pelo telefone

A Central 156, que em fevereiro completa 35 anos de funcionamento, registrou um crescimento recorde no atendimento on-line de demandas por serviços e informações do município.

Em 2018, foram 426 mil os pedidos recebidos e respondidos via internet (portal e e-mail), com índice de satisfação de 79%. O número é 211% maior que em relação ao ano anterior, quando 137 mil demandas foram encaminhadas por meio eletrônico. Os dados constam no balanço anual do serviço 156.

O coordenador do serviço de Atendimento ao Cidadão, Ozires de Oliveira, atribui o crescimento à reformulação nos processos de atendimento e à redução no tempo de processamento das solicitações. Em breve, o serviço 156 também poderá ser acessado via aplicativo. A tecnologia está em fase final de implantação.

“O 156 se consolida como o principal canal de atendimento ao cidadão. A melhoria e a integração dos canais de comunicação são fundamentais para fortalecer a confiança na atuação do poder público”, disse Oliveira.

Já o volume total de atendimentos (que inclui os canais via telefone e meios digitais) cresceu em 264,2 mil em relação a 2017. A Central fechou 2018 com o atendimento de 1,4 milhão de solicitações, contra 1,1 milhão no ano anterior.

Nos canais digitais houve também aumento de 27,19% nos atendimentos por chat, com 22.549 demandas. Eram 82,9 mil atendimentos por esta ferramenta em 2017 e passaram para 105,4 mil no ano passado. O site da Central é o www.central156.org.br.

“Cada vez mais criamos uma relação de parceria com os cidadãos curitibanos, ofertando serviços e informações de maneira ampla e democrática”, reforçou Oliveira.

Serviços e informações

Na somatória dos atendimentos da Central 156 estão pedidos de informações e solicitação de serviços.

Das quase meio milhão de demandas por serviços registradas, a coleta de resíduos lidera o ranking, com 107 mil registros em 2018.

Na sequência figuraram os pedidos por iluminação pública (64 mil); trânsito (43 mil); podas de árvores (18 mil) e abordagem social de rua (17 mil).

Já nos pedidos de informações, as demandas por itinerários e horários de ônibus lideraram a lista dos cinco mais no ano passado, seguidas por limpeza pública, IPTU e cartão-transporte. Por mês foram 38 mil pedidos de informações e 38,8 mil por serviços.

Entre as regionais, as maiores demandas são da Matriz (96.603), do Boa Vista (70.573) e do Portão (56.695). Juntas, essas regiões representaram quase 50% dos pedidos por serviço apresentados à Central 156.

Em 2018 houve ampliação nas demandas por serviços de iluminação pública (24,82%) e de coleta de resíduos (7,16%) em relação ao ano anterior.

Entre os serviços municipais mais elogiados figuraram a Saúde (UPAs com 18,82% de ampliação no registro de elogios em relação ao ano anterior) e Unidades de Saúde (4,64%); além do Transporte Coletivo (12,26%).

Fonte: Prefeitura de Curitiba

Compartilhe: