Ir para conteúdo

ICI desenvolve vitrine virtual para Feira do Largo da Ordem

Site segue identidade do portal da Prefeitura de...
Site segue identidade do portal da Prefeitura de Curitiba

Como forma de migrar produtos e serviços para o ambiente online, na última semana o ICI desenvolveu uma vitrine virtual para a tradicional Feira do Largo da Ordem de Curitiba. Participaram do projeto o Instituto Municipal de Turismo (IMT), a Secretaria Municipal da Comunicação Social (SMCS) e a Superintendência de Tecnologia da Informação (SMAP-TI). “Foi um projeto desafiador pelo curto tempo e por estarmos em um novo modelo de trabalho, mas conseguimos alcançar nosso objetivo”, diz o diretor técnico do ICI, Fernando Matesco.

Toda a solução foi desenvolvida em menos de cinco dias. O objetivo foi elaborar um ambiente digital para que os feirantes expusessem seus produtos, conta o coordenador de Portais do ICI e responsável pelo projeto, Luciano Cardoso. “Criamos uma vitrine que contempla, além de informações dos produtos, os contatos, as redes sociais e plataformas para venda online de feirantes com alvará da prefeitura”, explica Cardoso. Segundo ele, é uma forma de manter os serviços mesmo em momento de isolamento social, em decorrência do novo coronavírus.

Além da vitrine, o ICI desenvolveu uma ferramenta de gestão que permite aos responsáveis pelo site aprovar os dados e gerenciar todo o conteúdo publicado na página. “O IMT está fazendo uma força tarefa com os feirantes para todos realizarem o cadastro na plataforma”, diz o coordenador. O layout segue a identidade do portal da Prefeitura de Curitiba e já conta com mais de 120 feirantes cadastrados. Confira o site da Feira do Largo da Ordem.

Central de Informações

Outra entrega realizada pelo ICI na semana passada foi o novo painel no sistema Central de Informações, o qual contempla as ações de planejamento e execução das atividades que a prefeitura está executando para combater a pandemia da Covid-19. “Com o apoio das equipes de Projetos e Infraestrutura do ICI, esse serviço foi disponibilizado diretamente no gabinete do prefeito, o que contribui para o acompanhamento em tempo real das demandas e auxilia, principalmente, nas tomadas de decisões”, explica Cardoso.

Compartilhe: